A Volta a Portugal em Bicicleta

No ano de 2017, a Volta a Portugal em Bicicleta irá celebrar o seu 90.º aniversário e a sua 79.ª edição. A prova realizou-se pela primeira vez em 1927 e conquistou desde logo um enorme sucesso, com uma chegada apoteótica às ruas de Lisboa.

Rui VinhasNa Volta de 2016, o vencedor foi Rui Vinhas, da equipa W52 – FC Porto, que disputou um forte duelo até à final, com o favorito à partida, Gustavo Veloso. Mas antes deste duelo, o caminho da Volta, desde o seu início até aos dias de hoje, foi longo e sinuoso, à imagem de muitas das estradas por onde passa, testando a perícia e a coragem dos ciclistas e fazendo as delícias dos espetadores e das populações de aldeias, vilas e cidades por onde passa.

A discrepância entre os 90 anos da Volta a Portugal em Bicicleta e o facto de se realizar em 2017 apenas a sua 79.ª etapa reflete os tempos conturbados que se viveram em Portugal e pelo mundo durantes estas nove décadas.
A prova esteve interrompida por falta de organizador entre 1928 e 1930 e posteriormente, em 1953 e 1954. Reflexo de acontecimentos mais graves foram as interrupções de 1936 e 1937, devidas à Guerra Civil Espanhola, e de 1942 a 1945, graças à Segunda Guerra Mundial. A última interrupção aconteceu em 1975, por motivo da situação interna conturbada do pós-25 de abril.

O maior herói da Volta foi sem dúvida o já desaparecido Joaquim Agostinho, que venceu as edições de 1970, 1971 e 1972, juntando-lhes ainda triunfos internacionais de relevo em etapas míticas de várias Voltas internacionais, bem como o título de campeão nacional de perseguição individual, em 1971.

Hoje em dia, a Volta a Portugal em Bicicleta está de novo em força e este ano voltará a ver uma partida em Lisboa, no dia 4 de agosto, com chegada prevista para Viseu, 11 dias mais tarde.